Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Walk in Cork

Numa altura em que as notícias menos boas são mais frequentes, é sempre com muito gosto que recebemos uma lufada de ar fresco. Nos elevadores das Amoreiras aparece agora uma publicidade da Rutz, que me deixou super curiosa. No anúncio em questão, aparecem sapatos de Homem, e assim que cheguei a casa fui mostrar ao meu marido porque achei a cara dele. Ele adorou, e eu fui fazer trabalho de investigação.

 

A Rutz é uma marca portuguesa (com certeza), nascida em 2012 e une dois dos grandes talentos que os portugueses têm: a cortiça, e o calçado. Não se deixem enganar, porque produtos em cortiça, há muitos, ainda mais com o crescente turismo em Lisboa. Mas com este bom gosto e originalidade? Levam a taça, uma e outra vez, são únicos. É claro que o ponto alto da visita ao site, foi quando percebi que havia calçado feminino... fiquei completamente apaixonada!  Eu fiquei logo com a ideia de vir fazer um post para os nossos queridos meninos, mas depois de ver aquelas botas, sapatos, e sandálias... vai ter de passar a ser um post unissexo ;)

1.jpg

 

2.jpg

3.jpg

4.jpg

5.jpg

6.jpg

7.jpg

8.jpg

9.jpg

10.jpg

11.jpg

12.jpg

13.jpg

 

As sandálias vermelhas e as botas em especial dão cabo de mim, sou completamente fã. Os sapatos masculinos são excelentes para dar um apontamento especial (lá por terem de andar de fato não siginifica de todo que se tornem aborrecidos). Sugiro que dêem uma olhadela porque não se vão desiludir, e além disso estão com várias promoções. O site está aqui:

 

www.rutz.pt

 

Adoro este casamento entre o tradicional e o moderno. Espero que fiquem tão fãs como eu, e é sempre melhor investir em produtos nossos, tendo a oportunidade. A Rutz merece todas as nossas honras:)

 

Espero que tenham tido um excelente fim-de-semana, e que se sintam cheios de energia para uma nova semana :) muitos beijos da vossa Rita. 

I wish....

Sergio Rossi na Rewind por 163€

 

Como gulosa que sou até me custa um bocadinho pedir-te isto querido coelhinho, mas em vez das tradicionais amêndoas e ovos de chocolate, amanhã podes aparecer por aqui com estes sapatos na cesta? Obrigada pela atenção, beijinhos!

 

P.S.: Será que o coelhinho vai nesta ou também entrou na crise?

Pura Matemática

Depois de momentos como este:

 

  

(Propostas de calçado Alexander Mcqueen para 2010)

 

E este:

 

(Lady Gaga com o mais-que-famoso casaco kermit)

 

E agora pensam: De onde saiu a Lady Gaga? E quem será a primeira alminha arrojada a adoptar a nova tendência Mcqueen? Para mim não passa de pura matemática... Atentem:

 

  

 

Vai dar...

 

 

É claro que ela tinha de ser uma das primeira... e já era quase pecado este blog não mencionar a Lady Gaga (Vá... pelo menos uma vez) Amem ou odeiem, esta estranha diva está a causar um tremor de terra no mundo da moda, e uma coisa temos de admitir quer sejamos fãs ou não: Ela foi abençoada com o gene da criatividade e esperamos todos com ansiedade (e às vezes medo) a próxima aparição. Para quem quiser ver mais Lady Gaga plus Mcqueen vejam o novo vídeo dela 'Bad Romance' que eu só não ponho aqui porque não aprecio muito a música... mas quanto a ela... venham mais ovelhas negras (versão moderna: ovelhas padrão leopardo ou disco-ball) para animarem os nossos dias neste grande rebanho mundial. Amam ou odeiam? Be honest ;)

 

Muitos beijos da vossa Rita

 

Sneak Peek

 

Como raparigas e rapazes atentos que tenho a certeza que são, já devem ter ouvido uns rumores da próxima parceria H&M. Ora eu vou ter de me redimir (um bocadinho) pois já vos tinha dito anteriormente que não sou propriamente apaixonada pela loja, mas que tem os seus prós concordo que tem.  É já no dia 14 de Novembro que é posta à venda a colecção de roupas e acessórios Jimmy Choo (SAPATOS!!!) e após intensa procura eu trago-vos alguns dos artigos most wanted! Cada um melhor que o próximo...

 

   

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Adoraram ou adoraram? Eu escolhi as minhas peças preferidas e deixei o vestido cinza para o fim porque o amo. Já me vejo com o vestido e com os sapatos da imagem da campanha (os pretos... lindos!!) E a versão dos sapatos em azul eléctrico? Por isso... o que é que têem de fazer para ter uma destas fabulosas peças na vossa casa? Simples: Na madrugada do 14 de Novembro montem tenda à frente da H&M (acreditem: ninguém vos vai achar loucas, não se acanhem, até porque não vão estar sozinhas. Mas devem ter sempre um plano B: se estiverem sozinhas e com uma tenda numa mao, o saco-sama noutra, e o cartão credito preso num fio ao pescoço, escondam tudo e deixem-se estar casualmente pela zona... nunca se sabe quando vão chegar adversárias com os mesmos intuitos e assim também não fazem má figura.) e lutem pelo vosso lugar na fila, vale tudo menos arrancar olhos... 

 

E apesar do que podem estar a pensar eu não vou estar nessa fila, tenho a minha fortuna guardada para outros propósitos nobres, embora tenha muita pena de não poder ficar principalmente com o vestido cinza. Enfim... o Natal está aí a chegar e se alguma de vocês se sentir generosa... já sabem!!! Beijos muito grandes da vossa Rita!

 

P.S.:Agradeço todos os comentários maravilhosos e fico contente de saber que ainda tenho leitores! Tenho também um pedido a fazer: A todos os que me fizeram perguntas a que não respondi em comentários de posts anteriores, coloquem de novo as vossas perguntas neste post e eu vou responder o mais rapidamente possível ok? Promised!

 

P.S.: Só Mais um agradecimento especial a um querido colega meu que me trouxe uma Vogue fresquinha de Espanha que eu vou ler já a seguir! Beijos!

Altos e baixos

Não, não são os homens (embora, uma vez que tocamos no assunto, eu prefira os altos). São mesmos os saltos dos sapatos. Ultimamente tenho visto que este tema provoca opiniões extremas. Dou-vos um exemplo: No trabalho uso sempre saltos altos (+ ou - 10cm para ser mais precisa). Dá uma postura óptima, sinto-me confiante e para mim não são desconfortáveis. Só uso sabrinas numa ocasião: quando uso calças, o que já de si não é frequente, e mesmo assim tento evitar. Quando comprei os sapatos pretos para o trabalho (experimentei milhares de pares até me decidir por aqueles, sou extremamente esquisita com sapatos), houve um dos meus colegas que me disse logo: 'Bem, oh Rita... Isso é um exagero... Tu já és alta, para quê isso?' ao que respondo 'Eu não acho, aliás acho que não há um único ponto negativo em usá-los. Mas porquê? Só porque sou alta não posso?' ele lá torceu o nariz e voltou ao trabalho. Logo de seguida 2 colegas meus elogiam os sapatos. Então em que é que ficamos? Altos? Baixos? Enfim... Noutro dia usei as sabrinas. Estava cansada e querendo ou não as sabrinas são como andar descalça. Então não é que me caiu tudo em cima? 'Oh Rita, vai calçar os de salto alto, ficas muito melhor!' Realmente é impossível agradar a gregos e troianos, mas as mais engraçadas são mesmo as mulheres, que ao verem os meus saltos me dizem 'Meu Deus... e aguenta o dia todo assim? Quer dizer... nesses saltos enormes...' Pois aguento e hei-de aguentar, porque a mim não mos tiram. Nada me dá mais prazer de calçar do que uns fantásticos saltos altos, e tenho dito. E não me venham com as conversas da coluna e etc que não me metem medo, sou senhora e dona das minhas vontades. Por isso vos digo minhas senhoras, deixem-se de preconceitos e andem de saltos, é uma terapia fabulosa para a auto-confiança e todos reparam nisso. E vocês, vão alinhar comigo? Quero apoiantes ;)

 

Já agora aproveito para comentar o post que a Ângela fez das push-up da Salsa. É claro que também experimentei já com o cartão estendido em direcção à caixa. Admita-se: calças que criem rabo magicamente não é todos os dias, muito menos para gente como eu que não sou muito dotada nesse campo. Vai daí, sabem o que vos conto? Detestei. A sério. Não é que não resulte... eu fiquei com uma 'prateleira' , talvez seja mesmo por não estar habituada mas que hei-de fazer? Não gostei.  Deixem-me com o meu rabinho que sou feliz assim, a JLo que fique com o rabo famoso. lol Mas não pensem que saí da Salsa de mãos a abanar... Não vos iria desiludir caros leitores! Comprei umas magníficas calças mega largas de cintura descaída (e doeu bem menos no bolso do que as push up) mas que ainda não tenho em minha posse (baínha, entenda-se...). Mas quando tiver na próxima semana mostro ok?

 

Quanto ao resto, está tudo bem. Já perceberam que ando com pouco tempo, quanto a isso nada a fazer. O trabalho tem sido uma loucura, e também não tenho passado muito tempo em casa. Mas estou bem-disposta e com energia que é o que se quer :) tenho um trabalho para entregar esta semana, por isso não prometo actualizações diárias. Mas depois de dia 12 espero regressar em força :D 

 

Beijinhos especiais para todos os que lealmente seguem o blog. Hoje respondi a uma série de comentários vossos e fico sempre feliz com o que me dizem :) Beijos da vossa Rita

 

Elegância de mão dada ao conforto!

Ontem ao ler o DN deparei-me com uma notícia interessante (comecei a ler para me rir à gargalhada com a novela Bruni - Sarkozy mas depressa me fartei de tanta fantuchada e li o resto) e na secção de Estilo aprendi uma coisa muito engraçada. Já tinha ouvido uns rumores acerca disto mas nunca tinha tido a confirmação e então o DN confirmou. Já é possível andar elegante de saltos altos mas ao mesmo tempo confortável. Como, perguntam vocês? Graças aos irmãos David e Donna Handel que criaram os primeiros sapatos conversíveis nos Estados Unidos. Repararam que em Nova Iorque muitas eram as mulheres que andavam impecavelmente vestidas na rua excepto num ponto... muitas eram as que andavam de ténis (e como todos nós sabemos, roupa elegante e ténis não são uma boa mistura) e perdiam o estilo todo. A mim já me aconteceu o mesmo dilema, querer ir á rua (quando são distâncias mais longas) com os meus sapatos de generosos 10 cm e não conseguir graças à nossa querida calçada portuguesa, o mais famoso inimigo dos stiletto, e ao cansaço que provoca tentarmos não tropeçar em tudo e principalemente não ficar com o salto preso entre os espaços das pedras. Conseguir até consigo, mas se puder evitar, melhor. Mas voltando ao que interessa, esta dupla criou um novo conceito de sapato. À primeira vista é um sapato vulgar de salto alto. Mas ao desatarracharem o salto ficam com sapatos mais baixos e mais confortáveis para momentos em que necessitam disso. Assim nunca têm de trocar os sapatos e mesmo assim ficam cheias de estilo e ao mesmo tempo super confortáveis. Vejam como:

 

  

 

 E agora os modelitos!

 

 

O modelo clássico. Ideal para o trabalho ou para qualquer outra ocasião. Este é o modelo envernizado. Chama-se Giulia e custa: 155€

 

 

Em camurça e na cor caramelo, este é um sapato ideal para uma ocasião mais descontraída e fica muito bem com saias. O modelo chama-se: Celeste e custa 206€

 

 

Sapatos clássicos mas um pouco mais arrojados com o pesponto (e a lembrar Chanel perigosamente) é um sapato muito elegante. Chama-se Marta e custa 219€

 

 

E por fim, também existem sandálias! Por acaso gostei muito do modelo com estas fivelas. muito bonito mesmo. Chama-se Mariella e custa 202€

 

É uma ideia genial não é? Para verem mais modelos e encomendarem vão a: Camileon Heels. Os sapatos são feitos com materiais italianos e são de alta qualidade. Tudo isto aliado à versatilidade que eles oferecem justifica o preço. Para todas mulheres que já ficaram com dores terríveis com os seus stilettos e não querem repetir a experiência. Agora, ténis é que não!

 

Para todos uma boa semana, divirtam-se muito :) Beijos da Rita

 

Coisinhas Boas e Botins

Conforme prometido, os sapatinhos novos da menina, comprados na Pull & Bear pela módica quantia de 39.90 eurinhos. São motivo de orgulho ou não???

 

           

 

E como ando numa de comprinhas de Natal, olhem o que eu encontrei para meninas pequeninas (ou para meninas grandes como eu que fazem colecção) é um mimo, na Acessorize, se não estou em erro: 5.90 euros. Matrioskas Japanese Style :D

 

            

 

Já chega de compras. Afinal já encontrei a minha querida licença (vejam lá como anda a minha cabeça...) do mal o menos. E hoje tive como presente uma bela mala Missanga :) já começou o Natal para mim. Hoje estou um bocadinho nostálgica e melancólica portanto o presente veio mesmo em boa altura.

 

E aproveito para expressar também uma coisinha que me anda a irritar muito ultimamente. Ok, eu adoro moda como já devem ter percebido. Mas não me considero fashion victim (eu não usei turbantes quando a Vogue declarou que estavam na moda como é óbvio) e tenho noção de que há coisas que não me ficam bem. Por isso, o amor pela moda inclui também um amor pelo corpo e pelas formas de cada uma. Temos de saber o que nos fica bem, e não usar uma coisa só porque todo o gato pingado usa. Considero essa a minha missão, aplicar a moda de uma maneira práctica e lisonjeadora a todas as mulheres. É por isso que fico completamente arrepiada quando vejo botins mal usados. Sou um bocado suspeita para falar de botins porque regra geral os odeio, mas sei ver quando uma coisa fica mal a alguém. Ora imaginem o cenário: pleno metro (é onde eu vejo sempre a maior parte dos atentados de moda), vem uma senhora que não deve ultrapassar 1,55m. saia pelo joelho, pernas rechonchudinhas e tornozelos grossos a terminar num botim, isto, minhas amigas, é o pão nosso de cada dia. Dois erros, só assim à primeira vista: Mulheres baixas e botins não combinam. O botim vai tirar-vos uma boa altura mesmo que tenha salto, porque vos vai encurtar muito a perna, e se têm tornozelos grossos o botim só vai evidenciar isso. Por isso, de uma vez por todas, certifiquem-se de que têm requisitos para usar os ditos, porque não são fáceis e se há alguém que tem de saber o que vestir são vocês mesmas. Vejam bem o que querem evidenciar e o que não querem e não sigam modas só porque todos seguem, sejam originais e estejam sempre impecáveis. É uma boa filosofia de vida não? Tenho dito :)

 

Pergunta e resposta

Há uns dias a nossa visitante Alina deixou algumas questões que eu acho importantes referir como post para que todas possam ler e tirar umas ideias. (atenção: depois cada um dos temas terá um post individual mais desenvolvido, aqui é só mesmo para dar umas luzes)

 

Que tipo de sapatos usar com saias?

Isso depende de muita coisa. O comprimento, volume e textura da saia têm um papel vital e tudo deve girar em torno disso. Lembrem-se que quando usam uma saia (não contando com as saias que vão até aos pés) é a vossa perna que fica em destaque e toda a gente vai reparar nela podem ter a certeza. Por isso mais vale ter uma perna bem esculpida, mas como nem todas são abençoadas com pernas de Deusas gregas, os saltos altos podem fazer milagres e fazem SEMPRE a perna mais bonita. Em geral ficam bem. Mas já estamos fartas de saber que calçada portuguesa + stilettos = queda bonita e situações embaraçosas. Por isso apostem também em sapatos de cunha, dão bom andar, são mais confortáveis e podem fazer o mesmo efeito às pernas. Quanto às sabrinas, eu pessoalmente não gosto muito de ver com mini-saias. Prefiro com saias abaixo do joelho ou pelo joelho. As botas de cano alto ficam sempre bem com saias curtas e pelo joelho com ou sem salto, é sempre uma opção fácil para quando não queremos pensar muito no assunto. Botins podem-se usar também mas certifiquem-se de que fica bem.Ténis, nem ponho a hipótese se bem que há quem goste de experimentar (estão por vossa conta e risco). Essencialmente é uma questão de experimentarem e verem se fica bem ou não. O mais importante é que sejam confortáveis especialmente se andam muito. Sapatos bicudos ficam bem a pessoas mais baixas e com pés mais pequeninos porque alongam a silhueta (impossível para mim calçar estes sapatos tenho 1,76m e calço um simpático 40) e os sapatos arrendondados são sempre uma aposta segura. Cuidado: se têm a perna mais gordinha ou o tornozelo não é aconselhável usar botins porque ainda engorda mais. (Obrigada pela dica Fátima :D)

 

    

 

 Pode ver-se o soutien?

Se não for um soutien demasiado espalhafatoso penso que não há problema em aparecer um pouco. Agora atenção: Não estou com isto a dizer que se pode ver o soutien quase todo. Podem-se ver um pouco das alças, e no caso de um decote mais acentuado se ficar soutien à vista tentem esconder se der um ar demasiado vulgar. Se usarem tops de atar ao pescoço, ou tops sem costas tentam adequar o soutien à situação. Fica feio nestas situações ver-se o soutien e fica a destoar. Vejam na Intimissimi, há soutiens multiposições muito bons. Se ficar alguma coisa à mostra, que seja de uma cor que não destoe do resto da roupa.

 

                 

 

 Acessórios: Mistura-se prata com ouro? Que jóias usar de dia, e que jóias usar de noite?

Na minha opinião NUNCA se mistura ouro com prata (ou prateado e dourado). São duas cores que têm brilho próprio e usá-las em conjunto vai confundir tudo. Ou se usa um ou outro. Há materiais que se podem misturar se as cores estiverem em conformidade. Quanto a cores, é bom que combinem com o que vestem, ou com o que calçam. Tentem não usar demasiados acessórios, correm o risco de parecer uma árvore de Natal. Se usarem brincos compridos evitem usar colares com muito pormenor, optem por algo mais discreto e o mesmo se passa ao contrário. Os acessórios são um pouco como a maquilhagem, durante o dia deve ser mais discreta e natural, e à noite mais ousada e brilhante. Evitem usar coisas com muitos brilhantes ou demasiado sofisticadas durante o dia, levem isso para a noite. De dia usar coisas divertidas e originais mas que se enquadrem no resto. Usem também acessórios no cabelo, ganchos, bandoletes, fitas, elásticos orignais, etc. No caso de terem uma camisola monótoma façam uso dos alfinetes, anima logo, e até parece uma camisola nova (mas depois não usem colares claro). Para milhões de ideias: http://www.monsoon.co.uk/icat/accessorize e uma das minhas favoritas: http://www.claires.com/ Adoro especialmente a colecção das algemas. E pela vossa vida... nada de terços ao pescoço NUNCA!!! Se vão rezar é lá convosco, mas não andem com eles ao pescoço. O essencial é que sejam criativas e os acessórios dão-vos muita liberdade para isso, mas não caiam no exagero.

 

              

                           Para dia                     Para Noite

 

Usar perfumes de acordo com a estação?

Nesta matéria não sou mesmo boa, e passo a explicar porquê. Cada perfume adquire um cheiro diferente de pessoa para pessoa, por isso não vos recomendo um em específico. Gosto muito de usar o 212 sexy, mas ultimamente uso o Dior 1947 que me ofereceram e como é edição limitada ando a estimá-lo muito. No verão gosto de usar perfumes frutados, na Yves Rocher o de coco e o de manga são perfeitos e são bem baratinhos, é uma questão de experimentarem. A Calvin Klein costuma ter bons perfumes, mas agora vou apostar no novo perfume da Diesel (é maravilhoso).  No verão usem perfumes mais leves, adocicados e frutados, e no inverno perfumes mais intensos, com especiarias e madeiras. O melhor que têm a fazer se quiserem achar o melhor perfume para vocês, é pensar em gastar um bom tempinho numa perfumaria e falar com uma das assistentes. Com sorte saem de lá com o perfume perfeito para vocês. Na utilização, não abusem. O ideal é que se consiga cheirar quando estamos perto de vocês e que não seja enjoativo. aquela coisa de deixar uma nuvem de cheiro atrás de nós é um pesadelo.

 

                     

 

 Cabelos e Unhas, o que usar?

 Nos cabelos não se deve usar uma tendência em especifico. Deve cortar-se o cabelo de acordo com a nossa cara e com o nosso gosto. Uma cara redondinha não deve usar o cabelo curto e liso estilo Bob porque só vai encher mais a cara dela. Uma testa maior pode usar franja porque isso vai ajudar a disfarçar. Se se tem uma cara comprida e fina não se deve usar cabelo liso porque nos vai esticar ainda mais a cara, caracóis rebeldes e volume podem dar uma grande ajuda e cabelo curto também. Tudo depende muito de vocês, mas como o cabelo felizmente cresce sempre, vocês podem experimentar vários cortes até acharem o que mais vos convém. Quanto a cores, depende do vosso tom de pele. Se são muito morenas esqueçam o loiro, vai fazer um contraste imenso e as vossas feições desaparecem no meio de tanta confusão. se querem mesmo ser loiras, escolham um loiro muito natural (loiro branco ou amarelo canário estão completamente fora de questão). e também pode não ficar bem a peles muito claras. A estas peles aconselha-se o ruivo (dá um ar saudável e fica lindo) o castanho escuro ou o castanho claro, e se quiserem arrisquem preto, por vezes resulta muito bem. Mas pronto, cá vou eu dar a minha opiniãozinha: se são morenas tenham orgulho nisso, a sério, não pintem o cabelo de loiro só porque 90% dos homens têm esta pancada e porque as musas de hollywood pintam a toda a hora, se o fizerem façam-no por vocês. Dêem espaço à vossa personalidade (sim, eu sou morena lol) ou então escolham algo que vá mais de acordo com a vossa pele (sinto-me tão tentada a ir para um castanho avermelhado mas ainda não arranjei coragem). Agora as unhas, isto dá-nos espaço para muita coisa. Para já, ter mãos cuidadas e bem tratadas dizem muito sobre uma mulher. unhas sempre limpas, sem peles à volta e sem restos de verniz, se o verniz começa a descascar mais vale tirarem-no e pintar de novo.  esqueçam aquelas unhas vamiprescas enormes e pontiagudas. tenham-nas de um tamanho natural, arrendondadas ou mais para o quadrado. Quanto a cores, tentem conjugar com a roupa. Usa-se muito o vermelho, o bordeaux, roxo, castanho e houve muita divulgação do preto (ainda hei-de arranjar coragem). Mas por favor não pintem de verde lima e amarelo canário :S

 

                

 

Pronto, Alina espero ter respondido a tudo de forma clara. Mais dúvidas que tenham não hesitem em dizer. Beijinhos a todas :D

 

P.S.: depois do tamanho deste post acho que vou meter férias lol Bom feriado para todas!

Loving Shoes

Antes de mais nada quero agradecer o destaque que temos tido, e toda a atenção que nos tem sido dada pelas nossas leitoras. É muito gratificante saber que escrevemos para alguém nos ler e absorver. Quero apenas referir uma coisa, este é um blog sobre moda, é sobre isso que escrevemos porque é algo que nos apaixona e nos motiva. Tal como há quem adore xadrez por exemplo e goste de escrever sobre isso. Nós gostamos de moda, mas isso não quer dizer que mais nada nos interesse. Toda a gente tem de se vestir certo? Mais vale bem do que mal. As opiniões que aqui expressamos são as nossas, que podem ser bem diferentes da vossas, e espero que continuem a gostar como têm gostado até agora. Vão dando as vossas opiniões também. Adoramos o 'convívio' :) Obrigada a todas.

 

Vamos lá ao que todas as mulheres amam! Quem não tem uma pancadinha por sapatos que levante o braço... É que são tão divertidos de usar. uma vez, há algum tempo, uma grande senhora disse "Se uma mulher tiver uns bons sapatos calçados está sempre bonita" by Coco Chanel (não é bem assim mas eu gosto de improvisar sabem como é...). Eu adoro sapatos, de preferência com um salto vertiginoso, adoro pumps, e sou louca por botas altas. E há uma marca que adoro, com excelente qualidade, que ainda por cima é portuguesa e tem preços fabulosos. Visitem: http://shop.flylondon.com/ adorei tudo. Gostava de comprar umas género gato das botas em preto que me fazem falta. Hoje já tive para usar as minhas botas castanhas de salto alto (a melhor compra de sempre na stradivarius!) mas como quando acordei estava tipo zombie os ténis pareceram-me perfeitos. Fica para amanhã! Ah! e não se esqueçam, este ano usam-se muito os botins e os da fly são bem bonitos (embora eu não goste de botins).

 

No último post tinha dito que iamos ao freeport. Pois bem, depois do dilúvio que se deu no domingo achámos que talvez não fosse assim tão boa ideia. (graças a Deus!) Mas ontem lembrei-me que queria tirar a carta (após anos a dizer que adorava andar de metro) e lá se foi o resto do dinheirito. No more shopping 'till the end of the month...

 

Ficam aqui alguns dos meus favoritos da Fly.

 

             

 

                

                   

 

 

Mais sobre mim

imagem de perfil