Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O que dizer?

Primeiro peço desculpa, estive uns dias fora e não tive tempo de vos avisar da minha ausência. Estive na Serra da Estrela, rodeada de neve e dum frio de morte. Achei a ideia de levar umas botas 'à Lisboa' genial, pois na minha cabecita citadina não ia estar assim tão frio, e além disso andar na neve não é assim tão difícil, certo? errado e... errado. Sou uma saloia e mal cheguei à Torre e percebi que se andasse dois metros na neve caía e morria de frio, lá me abasteci de moda local. Botas brancas de neve, com pêlo (que nunca na minha vida em outras circunstâncias eu iria usar, mas deviam ver como adorei e desatei a correr feita criança) luvas em camurça super quentes, e um gorro que o senhor da loja me ofereceu e que apesar de estar a milhas de ser bonito, fez o seu trabalho e eu sobrevivi. Foi maravilhoso, dos melhores dias de sempre. Fiquei numa casa completamente isolada do mundo. Excluí televisão, telefones, e internet e fui feliz, muito feliz.

 

Agora, voltei à realidade.

 

E custou muito mais do que estava a pensar (custa sempre) mas mal liguei o computador as coisas ficaram ainda mais negras. Quando li acerca da morte de Alexander McQueen achei que tinha lido mal. Li de novo e bloqueei. Bloqueei porque não queria acreditar. Para já, um suícidio é sempre algo que está para além da minha compreensão. E depois porque o homem era um génio, qualquer pessoa com um mínimo de espírito criativo o admirava e seguia com atenção as suas colecções. Foi uma grande perda para a moda, mas sobretudo uma grande perda para aquela constante busca que é... ser diferente. O que nos consola é compreender que um génio é para sempre eterno e será sempre uma referência incontornável. Vivam cada segundo, saboreiem, sonhem sem limites, sem amarras, façam o que gostam e deixem as preocupações que vos assolam de lado. A vida é muito rápida e já que cá estamos, pelo menos deixem-nos vivê-la ao nosso gosto. Este não é um adeus a McQueen mas sim uma promessa de que o iremos relembrar eternamente, por tudo o que ele nos ofereceu de maravilhoso. Obrigada McQueen.

 

 

Love, Rita

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil